Por Glaucia Paiva

concurso-pmrnCom a negativa do Tribunal de Justiça acerca da antecipação das receitas dos royalties e sem qualquer perspectiva para a conclusão do pagamento do 13° salário do ano de 2017 e para o pagamento do 13° salário de 2018 e o salário de dezembro, as associações dos militares estaduais decidiram convocar a categoria policial e bombeiro militar para uma Assembleia Geral onde irá decidir sobre uma possível movimentação.

A convocação da categoria para uma Assembleia Geral para a próxima terça-feira (18) foi feita pelas associações de oficiais e praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar após uma reunião entre os dirigentes das associações nesta sexta (14).

Por serem os mais prejudicados pela atuação situação de atraso dos salários, haja vista ainda não terem nem recebido o décimo terceiro de 2017, os Sargentos, Subtenentes e Oficiais se reunirão em um primeiro momento na próxima terça-feira (18), a partir das 14 horas, no Clube dos Oficiais. Estima-se que os mesmos correspondem a mais de 35% do efetivo da Polícia Militar, ou seja, 35% das famílias dos policiais militares que recebem mais de R$ 5 mil não receberam sequer o décimo de 2017.

Já os Cabos e Soldados se reunirão, a partir das 15 horas, também da terça-feira (18), no Clube Tiradentes. Espera-se que até o início da reunião dos Cabos e Soldados, os Sargentos, Subtenentes e Oficiais já tenham deliberado por uma possível movimentação.

Na pauta das reuniões estão as condições de trabalho, o pagamento dos 13° salários de 2017 e 2018 e a previsão de pagamento do salário de dezembro.